Compartilhar

O artista norte-americano, Daniel Arsham, natural de Cleveland, agora vai assumir a direção criativa da franquia do Cavaliers. Arsham é um dos artistas mais celebrados da atualidade. Multifacetado, transita na pintura, escultura, instalações, set design e até performances de dança. Seus trabalhos em gesso são muito impressionantes, até um DeLorean ele já construiu.

No Cavs ele irá cuidar da criação e produção de tudo que envolver identidade visual, do design da sede até os souvenirs das lojas da franquia. Quando você comprar um chaveiro do Cleveland, lá estará o “dedo” de Arsham.

No que pese o acordo, além de ser o diretor criativo, ele também será parceiro minoritário na equipe, o que dá ainda mais peso à sua chegada. A ideia de Arsham é elevar o patamar do Cavs a um nível “Yankees”, se referindo a tradicional franquia de Baseball de NY.

Num pensamento de empoderar o time do coração, do qual herdou a paixão do avô e do pai, Daniel Arsham delacarou: “Se Warhol existisse hoje”, diz Arsham, “ele seria o diretor criativo dos Knicks. Ele saberia o que fazer lá. ” Se for nessa linha, podemos esperar grandes feitos dessa próspera parceria.

Compartilhar

Comentários

Seu endereço de email não será publicado

Posts Relacionados